Capa » Pensamentos Cristãos » Pensamento Cristão: Sempre é Primavera

Pensamento Cristão: Sempre é Primavera

Porque nem sempre é primavera em nossas vidas.

Assim como os anos têm diferentes estações e o fim de uma estação não representa o final do ano e, muito menos, da vida; assim como os animais têm suas próprias “estações” (o tempo de acasalar, o tempo de gestar seus filhotes, o tempo de tê-los, o tempo de alimentá-los e o tempo de parar de alimentá-los para que eles procurem por si mesmos as fontes de sobrevivência) e o fim destes ciclos não significa nada mais que o fato de que um período acabou; assim também o ser humano tem “estações” em sua vida.
Muitas pessoas sofrem porque não são capazes de compreender (e aceitar) o caráter cíclico da existência.  Ficam desesperadas porque olham pela janela e na vêem flores multicoloridas, borboletas bailando no ar e um dia claro sobre si.  O que enxergam são nuvens pesadas de chuvas ou árvores nuas e sem graça.

 A vida não acabou, foi só a primavera que passou, mas outras primaveras virão.  E, enquanto este tempo não chega, há muita coisa pra fazer.  A vida não pára porque não é primavera, e nós também não podemos nos deixar paralisar.  A arte de saber viver está diretamente ligada à força interior que nos habilita a um poderoso processo de adaptação ao meio e às circunstâncias impostas por este.

Uma outra extraordinária lição que podemos aprender com as estações do ano é que quando é verão no hemisfério Sul é inverno no Norte, ou seja, as estações não são as mesmas para todas as pessoas, cada pessoa tem que enfrentar, à seu tempo, a sua própria estação.  Além disso, as estações não duram o mesmo tempo em cada parte do globo.  Há localidades, como o Recife, que quase não conhecem o outono, mas nem por isso as árvores deixam de renovar as suas folhagem todos os anos.  Elas aprenderam (e nós estamos começando a aprender) que renovação é vida, que a mudança é parte essencial do esforço de continuar existindo, que não precisam chorar porque seus frutos e folhas caíram no chão .  Quando eu era criança, os brinquedos também tinham suas “estações”.  Tinha época em que todo mundo jogava bola-de-gude, em outras a distração da criançada era empinar papagaio (alguns chamam de pipa), depois vinha a época de rodar pião e todos tentavam desenvolver a sua arte de fazer acrobacias com o brinquedo de madeira com ponta de ferro.  O engraçado é que quando não era época de algum brinquedo ele desaparecia e ninguém sentia falta dele.  Os piões, as pipas e as bolas-de-gude sabiam esperar pacientemente em um caixote ou gaveta até que chegasse a sua época novamente.  E sempre chegava.  Claro que eu gostava mais de determinados brinquedos do que de outros (eu nunca aprendi rodar pião), mas nem por isso passava o ano inteiro empinando papagaio.  Até as crianças sabem respeitar as estações.

Eu sei o que você está pensando.  É…  mas este meu outono está durando tempo demais!  Não é fácil mesmo.  Eu gostaria de te abraçar neste momento, mas a única coisa que posso fazer é orar para que as palavras que eu escreverei em seguida sejam úteis para lhe trazer algum conforto e lhe inspirar paciência.  Eu creio que Deus vê as nossas vidas com muito cuidado e bem de perto.  Ele não “deu corda” em nossas existências e foi cuidar de outros assuntos mais importantes.  Como para um pai o assunto mais importante da Terra é o seu filho que sofre, para Deus a questão mais relevante do momento é você.

Lembro de uma vez em que, brincando em um arrecife, pisei em um ouriço do mar.  Dezenas de fragmentos ficaram dentro do meu pé.  Era preciso tirá-los para que eles não infeccionassem.  Meu pai me levou à uma farmácia onde havia um enfermeiro extremamente competente (e que para mim parecia ser muito mau).  Painho me segurou enquanto o enfermeiro retirava um a um os pedaços de ouriço.  Eu não queria aquilo, eu detestei, eu chorei muito, pedi ao meu pai que mandasse o enfermeiro parar de me machucar, mas ele em silêncio me fazia ver que tudo aquilo era necessário e só chorava comigo.  Eu acho que Deus chora com você e eu queria chorar também.  Calma, vai passar!

Com carinho,

Sobre Estudos Cristãos

Um comentário

  1. lindooooooooo
    simplesmente lindo….
    Que Deus te abençõe sempre…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>