Ministério Teatral: Peça : Viajando pela Bíblia

0
338


Viajando pela Bíblia 1 – Procurando Pequenos Obreiros.



Personagens: Narradora; Maria; Cássia; Bíblia; Dona Diva
Narradora – Bem vindos! Vocês estão prestes a entrar no maravilhoso mundo da Bíblia. Este Mundo não é de mentira, como outros por aí, e vocês podem morar nele, viver nele, basta querer. Bom, vou deixar para depois as explicações de como morar no Mundo da Bíblia, pois agora vamos ver a primeira história da série Viajando pela Bíblia. Nossa primeira história tem por título “Procurando os pequenos obreiros”, que conta a história…É melhor vocês verem a história… Tudo começou com a pergunta, da “perguntadeira” Maria que queria saber de tudo que lhe viesse à telha:







Cena 1 – sem cenário
Maria – Oh Cássia, como é que eu sei que a Bíblia conta a verdade?
Cássia – Por que a Bíblia nos diz que todas a s escrituras são inspiradas por Deus, além do mais para tudo que acontece a Bíblia tem uma explicação.
Maria – Eu nunca ouvi nas Histórias da Bíblia crianças fazendo algo para Deus, eu acho que é porque nós somos muito pequenos e não sabemos fazer quase nada, aliás, nada.
Cássia – Uhmmmmm! É verdade…Mas há crianças que fizeram sim a obra do Senhor.
Maria – Ué…Por que eu num lembro?
Cássia – Você tem ido para a Escola Dominical e prestado atenção?
Maria – Não…He…He…

Entra a Bíblia
Bíblia – Já que você não vai buscar o conhecimento da Bíblia, eu vim aqui te trazer o conhecimento Maria.
Cássia – Como é que você entrou aqui?
Bíblia – Vamos, e não tenha medo, pois eu não vou lhe fazer mal algum.
Maria – Vamos sim, seu desconhecido… Maria segue Bíblia
Bíblia – Você não vem Cássia?
Cássia – Isso parece loucura, mas…
Fecham-se as cortinas e começa a tocar a música de fundo.

Cena 2 – Cenário: Gênesis, que consiste um lugar com folhas e alguns desenhos simulando arbustos.
Bíblia – Eis aqui o começo de tudo, o livro das Gênesis de todas as coisas.
Maria – Que legal! Mas o que a gente veio fazer aqui?
Bíblia – Dona Narradora, explica pra ela e para todo mundo o que nós viemos fazer aqui?
Narradora – Mas é claro. A aventura de Viajando pela Bíblia I será viajar pela Bíblia toda a procura de pista ou pessoas mesmo que eram crianças e faziam a obra do Senhor.
Maria – Que legal! Vão me ensinar as coisas sem eu precisar perguntar? Mas eu posso fazer perguntas não posso?
Bíblia – Claro que pode. Estou aqui pra lhe explicar tudo sobre crianças obreiras, para que você também seja uma.
Maria – Mas como e posso fazer isso, eu sou tão pequena?
Bíblia – Essa pergunta será respondida mais à frente Maria.
Cássia – Olha, eu acho que encontrei um pista.
Bíblia – Deixe-me ver… É realmente é nossa primeira pista e diz: “A obediência”. Isso quer dizer que no princípio da criação as crianças faziam a vontade do Senhor somente em obedecer aos seus pais, essa a primeira obra, a obediência.
Maria – Já vi que posso fazer a obra…
Cássia – Tá vendo resmungona. Toda vez que a mãe te pede pra fazer algo você fica resmungando e não a obedece.
Maria – Eu vou mudar…
Bíblia – Bom, já ficamos muito aqui, vamos procurar a próxima pista, para ver com as crianças podem fazer a obra do Senhor.
Fecham-se as cortinas

Cena 3 – Cenário: Deserto, desenho do Sol bem forte e as luzes quase todas acesas.
Bíblia – Chegamos ao Êxodo…
Maria – Que calor!
Cássia – Claro Maria, nós estamos no Egito.
Bíblia – Realmente, aqui é muito quente, pois a maiorias das áreas são todas desérticas.
Maria – Olha aqui! Acho que é a nossa pista.
Bíblia – Deixa-me ver?
Maria -Tó…
Bíblia – Não Maria, essa não é nossa pista, é apenas uma anotação sobre como fazer o próximo cenário.
Cássia – Onde será que tá a pista daqui.
Bíblia – Vamos Perguntar à Narradora!
Maria – Vamos…
Cássia – Hei! Espera aí, com a Narradora nós podemos falar daqui mesmo.
Bíblia – É basta falar assim: Dona Narradora onde está a nossa pista?
Narradora – Têm duas. Uma delas está comigo e a outra está atrás de uma pedra.
Bíblia – Você pode, por favor, nos dar a pista que está com a senhora?
Narradora – A pista que está comigo diz que vocês daqui passarão para o Livro de Samuel, pois do atual livro até este a pista é única: “Obediência aos pais para agradar ao Senhor”. Enquanto a Narradora fala Maria pega a pista na pedra
Maria – Aqui está a outra pista.
Bíblia – Vamos ver o que diz… “A irmã de Moisés ajudando sua mãe a cuidar de Moisés”. Aqui se vê que a irmã de Moisés agradava a sua mãe, logo agradava a Deus.
Cássia – Então nós temos duas pistas e duas dicas para as crianças: A Primeira diz que obedecendo aos seus pais você está obedecendo a Deus A Segunda diz que agradando os pais, agradamos a Deus.
Bíblia – Vamos como disse a Narradora para o Livro de Samuel.
Fecham-se as cortinas

Cena 4 – Cenário: Um Templo, lugar à meia luz e iluminado com velas, simbolizando a luz do templo
Bíblia – Já sei onde está a pista…
Maria – Tão rápido!?
Cássia – Deixa de resmungar Maria
Bíblia – Olhem, aqui diz: “Samuel desde pequeno servia ao Senhor como sacerdote, ensinado pelo sacerdote Eli”.
Cássia – Faz sentido…
Maria – Alguém me dá uma luz por que eu ainda não entendi o que significa.
Cássia – É simples Maria, com isso nós podemos saber que não só os adultos podem pregar e ensinar nos cultos, mas se as criança e adolescente também buscarem ao Senhor podem ministrar sua palavra com fervor.
Bíblia – Isso mesmo Cássia, se você usasse essa inteligência para falar de Jesus a suas colegas de classe, você faria muito bem a obra do Senhor.
Cássia – É… É…
Maria – Já acabamos aqui, vamos procurar a próxima pista.
Bíblia – Tem razão Maria, vamos.
Fecham-se as cortinas

Cena 5 – Cenário: montanhas
Bíblia – Por mais que nós tenhamos andado, não saímos do Livro de Samuel.
Maria – Mas tudo tem um motivo de ser.
Cássia – Nosso! Finalmente você falou algo de interessante.
Maria – Mas é lógico, eu li o texto da Bíblia.
Cássia – Tinha que ser!
Bíblia – Como a Maria já falou, tudo tem um motivo de ser, se estamos aqui é para aprender algo novo.
Cássia – Achei a pista. Posso ler?
Bíblia – Claro que pode.
Cássia – “Um menino pastoreando as ovelhas de seu pai, e defendendo-as de animais perigosos”.
Bíblia – Aqui vemos Davi cuidando das ovelhas de seu pai e com isso aprendeu a confiar no Senhor, sendo assim agradava ao Senhor, pois nele confiava cegamente, prova disto é que mais tarde enfrentou o gigante Golias.
Cássia – Já temos então três pistas para fazer a obra do Senhor…
Maria – Eu sei quais são. Obedecer, agradar e confiar.
Cássia – Você está aprendendo rápido Maria.
Bíblia – Vamos para a próxima pista.
Fecham-se as cortinas

Cena 6 – Cenário: Trono
Cássia – Olha ali em cima do trono.
Maria – Deixa que eu pego. É… Agora é a pista.
Bíblia – Dê-me. Bíblia pega a pista de Maria Aqui diz: “Josias reinou desde os oito anos”.
Maria – Puxa! Um rei com oito anos parece até brincadeira.
Bíblia – Mas não é.
Cássia – Mas o que isso quer dizer?
Bíblia – Quer dizer que as crianças também podem decidir, desde que queiram realmente servir ao Senhor com sinceridade.
Maria – Para fazer a obra do Senhor temos que obedecer, agradar, confiar e decidir.
Cássia – Isso tá ficando complicado.
Bíblia – Não é nada difícil, pois basta ser simplesmente como Jesus.
Cássia – Ah! É básico.
Bíblia – Vamos sair dos Livros dos Reis, e vamos seguir para nossa próxima pista
Fecham-se as cortinas

Cena 7 – Cenário: Livros poéticos: um pergaminho
Bíblia – Chegamos aos Livros Sapienciais
Maria – Que livros são esses? Não sabia que na Bíblia tinha estórias de sapos.
Cássia – (rindo) Não Maria, são os livros poéticos, que trazem muitos conselhos sábio, por isso são chamados de Livros Sapienciais.
Maria – Assim está melhor.
Bíblia – Vejam aqui tem um rolo de pistas.
Cássia – Lógico, nos livros poéticos nós podemos encontra muitas informações de como fazer a obra do Senhor, mesmo sendo criança.
Maria – Qual é a primeira pista dona desconhecida?
Bíblia – Pode me chamar de Bíblia. A primeira pista diz: “Não era criança, mas deixou um belo exemplo de paciência”.
Maria – Essa eu sei que é. É Jó que foi um homem muito paciente, sofreu muito, mas nunca reclamou do seu Deus.
Cássia – Tá vendo que você lembra o que aprendeu na Escola Dominical, só precisa fazer uma forcinha para lembrar.
Maria – Eu já posso falar todas as pistas que nós já encontramos?
Bíblia – Ainda não Maria porque ainda tem outras pistas.
Cássia – Leia logo as outras Bíblia.
Bíblia – “Ouvi o conselho do teu pai”
Cássia – Essa pista é muito clara.
Bíblia – Mas nos livros sapienciais nós encontramos ordens para os adultos também. No livro dos Provérbios capítulo 22 e versículo 6 diz : “Ensina o menino no caminho em que deve andar…”
Maria – Nós devemos ouvir os conselhos de nossos pais porque eles tem de nos ensinar a andar nos caminhos do Senhor e nós devemos obedecer.
Bíblia – Certo Maria! Muito bem. Vamos para o próximo livro ou subdivisão deles.
Maria – Como assim subdivisões.
Bíblia – Eu explico pra você no caminho, vamos… Os livros da Bíblia…
Fecha-se as cortinas

Cena 8 – Mesmo cenário
Maria – Seu Bíblia, você entende tudo da Bíblia hein!
Cássia – Parece que nós voltamos para o mesmo lugar.
Bíblia – Não. Posso sentir que nós estamos nos Livros Proféticos.
Cássia – E que pistas podemos encontrar nos Livros Proféticos que têm uma linguagem tão complicada e as vezes dura?
Bíblia – Narradora, onde está a pista daqui?
Maria – Eu já achei, está aqui.
Bíblia – Obrigada dona Narradora
Cássia pega a pista de Maria – Aqui diz : “Sendo já homem, chorou como criança”
Bíblia – O profeta Jeremias chorou aos pés do Senhor como uma criança, isso quer dizer que o coração de uma criança é puro e para estar diante de Deus todos precisam ter um.
Maria – Que legal! Então todo mundo que faz a obra do Senhor tem que ser como uma criança.
Cássia – Logo todas as crianças podem fazer a obra do Senhor, pois seu coração é puro.
Bíblia – Mas existe mais algumas condições para que as crianças façam a obra do Senhor.
Maria – Eu pensava que não tinham restrições para isso.
Bíblia – Narradora nós podemos pular para o fim de nossa aventura.
Narradora – Não, só podem ir para os Evangelhos.
Maria – Então vamos logo.
Cássia – Vamos o mais rápido que pudermos.
Fecham-se as cortinas.

Cena 9 – Cenário: nuvens
Bíblia – Aqui iremos aprender quais a condições para que as crianças façam a obra do Senhor.
Cássia – Por que não tem pistas neste lugar? B.- Por que aqui é o último estágio da nossa viagem.
Maria – Como assim, nós não viajamos pela Bíblia toda coissíssima nenhuma, nós até pulamos algumas partes.
Bíblia – Você tem razão, mas os as últimas pistas serão dadas aqui e as demais vocês procurarão sozinhas.
Cássia – Mas como?
Bíblia – Assim que sairmos daqui você saberão como fazer isso.
Cássia – Se é você quem diz…
Bíblia – Para que todas as crianças possam fazer a obra do Senhor, antes de qualquer coisa elas têm que aceitar a Jesus como seu Salvador, pois na Bíblia está escrito “todos pecaram, e precisam da glória de Deus”, portanto antes de obedecer, agradar confiar, ouvir o conselho dos pais e ser humilde diante do Senhor, a criança, como qualquer pessoa tem que aceitar a Jesus, para que possam ser perdoados os seus pecados e para que se possa ir morar com Jesus no céu…
Fecha-se as cortinas.

Cena 10 – Cenário: Mesa de café da manhã
Dona Diva – Maria, Cássia o café tá pronto, vem tomar pra depois a gente ir pra casa da vovó.
Maria – Ah, mãe; a gente tá de férias, por que nós temos que acordar cedo?
Cássia – Olha Maria, ali na mesa…
Maria – A Bíblia…
Dona Diva – Que deu em vocês?
Cássia – Nós podemos continuar a procurar as pistas.
Maria – É! Vamos tomar café e depois a gente continua a nossa aventura.
Dona Diva – Vocês sonharam o mesmo sonho?
Maria – É mesmo Cássia!
Dona Diva – Posso depois saber como foi esse sonho?
Cássia – Claro mãe, quem sabe a senhora não dá uns conselhos para a gente.
Fecham-se as cortinas; Maria fica, monologando.

Maria – Quiser aceitar a Jesus a oportunidade será dada. Se você pensa que criança ou adolescente não pode fazer a obra do Senhor está muito enganado, pois você pode falar de Jesus aos seus amigos, colegas de classe, na condução…
Cássia Só a voz – Vamos logo Maria.
Maria – É isso aí! Fiquem na paz!
Fecham-se as cortinas

Fim 

Welson Tavares, SP





Deixe uma resposta