Ensinos Cristãos: 3 Coisas que Jesus nos ensina sobre morte

3 Coisas que Jesus nos ensina sobre morte

“… Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono.” João 11:11

O que dizer para aquelas pessoas que estão desconsoladas, com raiva e questionando coisas e causas sobre a morte de um ser querido?

Conte sobre Lázaro, a quem Jesus ressuscitou. Diga que:

(1) Jesus nos deixa que lhe façamos perguntas !

De fato, Marta lhe disse:

” Senhor, se estivesse aqui, meu irmão não teria morrido” (João 11:21).

Jesus ficou bravo com ela? Não!!!. Em momentos como esses, aprendemos coisas sobre nós mesmo que não sabíamos. Em tempo de desconsolo descobrimos que:

Torno a trazer isso à mente, portanto tenho esperança.
A benignidade do Senhor jamais acaba, as suas misericórdias não têm fim; (Lamentações 3:21-22)

(2) Jesus nos ensina como sentir a perda !

Jesus chorou (João 11:35), não porque não poderia fazer nada, se não porque queria ser nosso exemplo. Se enterrar suas emoções , estará enterrando-as viva e voltarão a ressuscitar um dia para te ferir. O processo de restauração é:
(a) sentir uma dor profunda

(b) Tratar com isso abertamente

(c) Dar passos para cura

 

Estás fugindo da dor? Estás substituindo antes do tempo com outros sentimentos?

Isso não é que Deus deseja. Ele disse: “…, vos digo que vós chorareis e vos lamentareis, …porém (mais adiante)… , a vossa tristeza se converterá em alegria. (João 16:20)

(3) Jesus nos da Esperança

Escute: “…Lázaro dorme, mas vou despertá-lo” (João 11:11).
Sabe como é sentir-se sempre bem com aquela sensação depois de uma boa noite de descanso? Pois multiplique essa sensação por infinito e ainda fica pequeno. ” Boa noite” aqui significa : “Bons dias” lá. Jesus disse: Porque não podem mais morrer, pois são iguais aos anjos” (Lucas 20:36)

Isso não te parece Maravilhoso ? Saber que seu ente está ao lado de Cristo desfrutando de uma plenitude em um corpo totalmente glorificado !!!

Por isso devemos vivenciar o luto, porém nossa esperança deve estar além de tudo o que vemos ou sentimos mas sim o que verdadeiramente cremos !

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here