5 Princípios Sobre a Criação dos Filhos

0
126

5 Princípios Sobre a Criação dos Filhos

Instrua (treine) a criança no caminho que deve andar. PV 22:6

A medida em que meus filhos se aproximam da idade adulta, fico expectante pelas próximas etapas da vida, incluso aquelas em que o mundo se torna ainda mais malvado e instável. Há muitas coisas que desejaria ter feito de outra maneira, no entanto, esses 5 princípios têm sido de grande ajuda ao longo do caminho.

1) Mostre a Deus em todo momento.

Venham, meus filhos, ouçam-me; eu lhes ensinarei o temor do Senhor.( Salmos 34:11)

Não temos que ter todas as respostas as suas perguntas, porém podemos falar da verdade da palavra de Deus  de uma maneira que eles possam abraçar e entender.

 

2) Ore para que sejam descobertos quando pequem.

“Mas, se vocês não fizerem isso, estarão pecando contra o Senhor; e estejam certos de que vocês não escaparão do pecado que cometeram. (Números 32:23)

Quando as crianças são descobertas em seu pecado, há uma oportunidade para ensinar, treinar e se arrepender. Caso elas consigam se safar com frequência, podem crescer e pensar que Deus não se importa com um estilo de vida pecaminoso.

3) Desenvolva um estilo de vida santo. (Piedoso)

Retenha, com fé e amor em Cristo Jesus, o modelo da sã doutrina que você ouviu de mim.( 2 Timóteo 1:13)

Nossa escolha de viver fielmente, se trata mais do exemplo que damos a eles. Ao seguir a Cristo guiamos nossos filhos no caminho para que também conheçam à Ele.

4) Prepare-os para Fase Adulta

Não estou tentando envergonhá-los ao escrever estas coisas, mas procuro adverti-los, como a meus filhos amados. (1 Corintios 4:14)

Podemos educar a nossos filhos para que se convertam em adultos independentes com consciência de fé e família. Dar-lhes a liberdade para fracassar é uma parte do desenvolvimento de tomadas de decisões para que aprendam valores e consequências de atitude, além de encontrar segurança no lar estruturado mesmo quando falharem.

5) Seja provedor para suas necessidades

Se alguém não cuida de seus parentes, e especialmente dos de sua própria família, negou a fé e é pior que um descrente. ( 1 Timóteo 5:8)

A provisão espiritual, mental, emocional e física das crianças é uma grande responsabilidade. Pela graça e misericórdia de Deus, fazemos sacrifícios para que tenham êxito em sua vida.

Oração:

Amado Senhor, quero ser um melhor pai. Mostra-me as formas de desenvolver uma paternidade santa e piedosa. Em nome de Jesus. Amém!

Deixe uma resposta