Crescendo como Mães: Nossa Responsabilidade!

0
404

Confesso que tenho buscado muito de Deus direcionamento na educação do meu filho. Estamos vivendo tempo difíceis onde essa geração está cada vez mais precoce, nascendo com um tablet na mão e tendo acesso a todo tipo de informação. E então o que fazer?

Temos que ter em mente que devemos ensinar princípios na vida de nossos filhos, bases sólidas , alicerce ( Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha Mateus 7:24),  edificar na vida deles a palavra de Deus em seus corações , e isso é papel dos pais e não somente da igreja.

Precisamos entender primeiramente uma coisa : Seu filho só vai na igreja uma vez por semana, e provavelmente tudo o que ele aprenderá inicialmente de Deus virá dos pais e não dos pastores, por isso até que seu filho esteja estruturado espiritualmente a maior responsabilidade em conduzi-lo na vida cristã é sua !

Por isso adquira o hábito de:

Orar pelo seu filho junto com ele

Quando seu filho vê você orando,  ele começa a entender o relacionamento que devemos ter com Deus, com isso você já começa a ensiná-lo o amor do Pai por nós e toda sua graça.

Lembro de um dia, que meu filho de 3 anos estava assistindo televisão e recebi um telefonema de uma amiga que estava hospitalizada, falei para ele:

– Filho mamãe vai no quarto orar por uma amiga que está no hospital, já volto. Ele imediatamente me respondeu:

– Mamãe desliga a TV vou orar junto com você !

Fiquei emocionada de ver uma criança de 3 anos ajoelhada ao meu lado e concordando com tudo o que eu colocava diante de Deus, mas isso , devemos ensinar (não forçar porque eles são crianças) a estar diante de Deus com amor!

Leia a Bíblia para Ele

Confesso que o Jean Luca não tem muita paciência para escutar histórias longas da Bíblia, então utilizo ferramentas da modernidade, um aplicativo maravilhoso que conta as histórias de uma maneira bem interativa, dessa forma utilizo para brincar com ele e ensiná-lo da Palavra de Deus.

Desenvolva momentos de conversa onde você pode ensinar e demonstrar exemplos de princípios.

É sempre tempo de ensinarmos princípios para nosso filho, afinal Deus ama um coração integro, e devemos prezar isso na formação do carácter de nossos pequenos. Por isso sente com ele para explicar sobre mentira, egoismo, maldade,e tudo aquilo que vá contra nossos princípios. Saiba que você estará plantando uma sementinha boa , em uma terra boa, que só precisará ser regada e produzirá belos frutos!

Seja exemplo !

Não adianta, a lei “Faça o que mando, não faça o que eu faço”, nunca funcionou e nem funcionará. Nossos filhos reproduzem o que somos, o que falamos, e o que fazemos, por isso, seja exemplo em tudo ! Aqui em casa existe por exemplo a regra de não mentir, nem que a “mentirinha” seja para o bem … Lembro-me de uma vez em que era dia de tomar vacina e eu disse ao Jean Luca:

– Filho vamos ir para o posto de saúde.

– Eu vou tomar vacina?- ele me perguntou. Eu respirei fundo porque eu sabia que a minha resposta já iria fazer com que ele fosse chorando o caminho todo.

– Sim vai tomar vacina filho, e te falo um pouco mais , vai doer um pouquinho , porém eu já vou levar esses pirulitos porque eu sei que você é forte e corajoso e depois que passar a dor vou te dar como premiação.

Sim, ele foi chorando o caminho todo, mas eu não menti !

Seja exemplo, eles observam as pequenas coisas, e são essas pequenas coisas que impactam a vida de nossos pequenos.

Saiba que mesmo como pastora, tenho meus desafios, dificuldades, dias difíceis, falhas e frustrações, por isso que decidi escrever essa coluna, afinal toda mãe diariamente está crescendo e aprendendo a ser uma mãe melhor!

Comparta sua experiência conosco, ficaria feliz em saber como é seus desafios em “Crescendo como Mães”

 

 

Deixe uma resposta